O MENINO NEGRO
O menino negro narra a infância e adolescência de um garoto comum mas, ao mesmo tempo, muito diferente. Como todos nós, ele se diverte no quintal de casa, vai à escola, brinca e briga com os amigos. No entanto, ele também vivencia um dia a dia totalmente distinto: teme e respeita as cobras que insistem em compartilhar o terreno de seus pais, passa por um ritual coletivo de circuncisão aprendendo a lidar com seu corpo, estuda numa escola corânica e recebe uma formação muçulmana a seiscentos quilômetros de sua terra natal. Seu destino final é Paris, cidade iluminada que o converte em escritor.
O livro que o leitor tem nas mãos traz o ambiente único da Alta Guiné, mas é também uma homenagem a um continente durante muito tempo esquecido. São muitas as Áfricas que hoje começamos a conhecer, e esta, contada com tanta sensibilidade por Camara Laye, é daquelas que não se esquece jamais.
R$ 27,90
Título original
L'ENFANT NOIR
Tradutor
Rosa Freire d'Aguiar
Capista
Alceu Chiesorin Nunes
Páginas
160
Formato
14.00 x 21.00
Lançamento
23/01/2013
ISBN + Código de barras
9788565765077
Autor: Camara Laye
CONHEÇA TODOS OS TÍTULOS DE Camara Laye
Info
Nascido em 1º de janeiro de 1928 na cidade de Kouroussa, na então Guiné Francesa, Camara Laye saiu da casa dos pais aos quinze anos, para frequentar a escola técnica na capital do país. Graças às excelentes notas, conseguiu uma bolsa para estudar engenharia mecânica na França, para onde se mudou em 1946. É nesse período que ele escreve O menino negro, seu primeiro romance. Já formado em engenharia ele retorna à África e, com a independência da Guiné, torna-se seu primeiro embaixador em Gana. Depois de lutar contra o presidente guineano, Laye dedica seus últimos anos de vida a pesquisar a cultura dos povos negros e as histórias contadas pelos griots. Morreu no Senegal, em 1980.

Capa
RECOMENDAÇÕES
Rodapé